Infraero e UZ7 Spotting juntos em ação solidária em Macapá

0 comentários
A Infraero Macapá e 22 spotters do UZ7 Spotting realizaram parceria em ação social que doou brinquedos à cerca de 100 crianças em Macapá nas vésperas deste Natal. 
As crianças beneficiada fazem parte do Centro Maria Imaculada, que é uma instituição localizada no bairro Cidade Nova I, em Macapá, que oferece gratuitamente atividades de reforço escolar à crianças carentes entre 6 e 15 anos, moradoras do mesmo bairro e adjacências.
A entrega dos presentes foi feita por papai noel e representantes da Infraero e do UZ7, no último dia 20 de dezembro.
A parceria do UZ7 com a Infraero em Macapá já beneficiou outras instituições de caridade na capital  em anos anteriores. Em 2018 a parceria se manteve forte, elevando o espírito de solidariedade.
Neste último post do ano, deixamos à todos a mensagem de agradecimento por nos acompanhar em mais um ano, com os votos de um feliz 2019!



ESPECIAL - FIDAE 2018

0 comentários
2018 foi um ano muito importante para o UZ7! Neste ano que termina, tivemos a honra de participar da 20ª Feira Internacional do Ar e do Espaço (FIDAE), no Chile, com credenciais de imprensa. Para nós, é gratificante ter nosso site reconhecido como um veículo de informação e entretenimento no meio da aviação, agora em âmbito internacional. 



A FIDAE, mais importante feira de aviação de América Latina, contou com 533 expositores de 59 países e ocorreu entre os dias 3 e 8 de abril, reunindo mais de 100 mil pessoas.
Estiveram presentes, além da Força Aérea Chilena, forças de Brasil, Peru, Uruguai, Colômbia, Estados Unidos, Espanha, dentre outros países, além de grandes fabricantes civis, como Airbus, Embraer, Bombardier e Cessna.
Entre as atrações estiveram os Airbus A350 e A400, os Boeings KC da Força Aérea Americana, além dos caças F5, F16 e F22. Destacamos ainda demonstrações aéreas como da Esquadrilha da Fumaça, Halcones e Skip Stewart.

Últimas entregas do ano de 2018

0 comentários
Na semana de número 52 do ano de 2018, passaram por Macapá duas aeronaves rotativas em voo de entrega para seus novos proprietários, no Brasil e na Argentina. O brasileiro, PR-SBK, é o modelo 429 GlobalRanger, o qual foi trazido desde o Estados Unidos até o Estado de São Paulo, sendo que no Brasil passou por Macapá, Belém, Marabá, Brasília e Montes Claros. 
Por outro lado, o modelo 505 Jet Ranger X, de matrícula argentina LV-IUQ, é um dos mais recentes modelos da Bell, tendo sido apresentado na Paris Air Show no ano de 2013 e também esteve presente na LABACE 2018. A aeronave saiu da sede, localizada no Canadá e está próximo de completar sua jornada até a Argentina. A aeronave chegou em Macapá procedente de Caiena, realizando o primeiro pouso de uma aeronave desse modelo em solo amapaense.









Boeing 737-200 americano em Belém

0 comentários
Pousou na madrugada deste domingo (23) em Belém um Boeing 737-200, o famoso "Breguinha", de matrícula N465TW, pertencente à empresa americana Sierra American Corporation. A aeronave, procedente de San Jaun (Porto Rico), fez escala técnica no SBBE antes de prosseguir para seu destino final, o Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, já pela manhã. 



Three Journey Round - De Robinson 66 pela América Latina

0 comentários
Pousou em Macapá no último dia 12/12 o Robinson 66 Turbine de matrícula inglesa, G-DIGA, procedente de Caiena, na Guiana Francesa. O Internacional de Macapá não recebia um "Golf" desde o auge da mineração em Pedra Branca, mas, o que trouxe esse Turbine desde o velho continente até o solo amapaense?
Apesar de ter saído da Inglaterra, o mesmo só iniciou os voos após cruzar o Atlântico a bordo de um navio, seguindo até a Flórida, nos Estados Unidos. Na chegada em Macapá, o inglês só estava completando o 12º dia de sua jornada aérea através da América Latina, portanto, início da terceira jornada de um total de três, que se iniciou no ano de 2016 com um giro pela África, continuou em 2017 com uma volta ao mundo, esta principalmente pelos países do hemisfério Norte.
Nessa terceira e última jornada do projeto, "Three Journey Round", a aeronave trazia a bordo um casal de ingleses, adentrando no território nacional por MCP. Nos dias seguintes os aventureiros seguiram o curso do majestoso Rio Amazonas, passando por cidades como: Santarém, Manaus, Tefé, Tabatinga e Rio Branco, de onde partiram no dia 22 rumo a Puerto Maldonado, no Peru, finalizando assim a primeira etapa em território nacional.
Ao longo da previsão de 85 dias de jornada, os ingleses retornarão ao Brasil após Peru e Bolívia, devendo chegar até o ponto mais extremo da América do Sul para então subir rumo ao ponto de origem, na Flórida, utilizando para tal a costa do Pacífico. 



Azul relança voo entre Belém e Campinas

0 comentários
A Azul Linhas Aéreas anunciou nesta semana a retomada da rota entre Belém e o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas-SP. A rota, que foi interrompida há alguns anos, retornará à malha da companhia em 18 de fevereiro de 2019.
Com esta ligação, o paraense passa a contar com mais uma conexão para o Sudeste, uma vez que Campinas é o maior hub da Azul.
Inicialmente com uma frequência diária, o voo será operado pelo Airbus A320neo, com capacidade para 174 passageiros. Confira os horários:

Viracopos 21h15 - Belém 00h50 (+1)
Belém 01h30 - Viracopos 05h10.


Dassault Falcon 50 em Macapá

0 comentários
Pousou no final da tarde de quinta (13) no Aeroporto Internacional de Macapá um Dassault Falcon 50, de matrícula PP-OPC. A aeronave, procedente dos Estados Unidos, teve seus trâmites de nacionalização realizados em Macapá, antes de prosseguir para São Paulo já na tarde desta sexta feira.


O PP-OPC (s/n 227), fabricado em 1999, teve operadores americanos e canadenses anteriormente. O tri-jato, tem capacidade para até 9 passageiros, podendo voar numa atitude de até 49 mil pés, com autonomia para cerca de 6480 km. 
Além do Falcon, o SBMQ registrou bom movimento na manhã desta sexta, com a presença do Airbus SC-105, de um Embraer 110 Bandeirante (PT-SHO) e o Embraer 120 da Piquiatuba (PT-SOK).

Festival Aéreo de Ciudad del Este, Paraguai

0 comentários
No último dia 02/12/2018, aconteceu mais uma edição do FESTIVAL AÉREO no aeroporto Internacional Guarani em Ciudad Del Este/Paraguai comemorando desta feita os 25 anos de inauguração do Aeroporto Internacional Guaraní (Código IATA: AGT) (Código ICAO: SGES), que serve Ciudad del Este, capital do departamento do Alto Paraná, na República do Paraguai. 


Trata-se do segundo aeroporto mais importante do país, depois do Aeroporto Internacional Silvio Pettirossi, de Assunção. Possui uma pista de asfalto (05/23) com aproximadamente 3400m e uma vocação cargueira, com uma média de 15 vôos mensais, recebendo também vôos regulares diários de passageiros da empresa PARANAIR, procedentes da capital Assunção. Suas instalações limpas e bem cuidadas são adequadas à demanda e oferecem um atrativo a mais para os spotters: Um terraço panorâmico aberto, coisa cada vez mais rara nos dias de hoje. Os colaboradores do UZ7, Gilmar Leal e Claudio Oliveira estiveram lá para conferir o evento e sairam bastante satisfeitos: organização primorosa, vôos coordenados e sob condições seguras, sem nenhum exagero que viesse a colocar o público ou os pilotos em risco, participação da comunidade aeronáutica e população local e ambiente absolutamente saudável para as famílias que la estiveram. Uma festa daquelas que os amantes da aviação adoram, onde todos confraternizam, se reencontram, voam, levam para voar e se divertem sem perceber o tempo passar. Se não havia esquadrões de demonstração aérea, havia muito calor humano nesta festa simples, porém dentro do verdadeiro espírito aeronáutico.


             Logo na chegada, nossos colaboradores foram recepcionados pelos Sr Davi, administrador do aeroporto e coordenador do evento, que muito gentilmente lhes explicou os detalhes e a programação. Em seguida os encaminhou à área reservada à imprensa, que possibilitava acesso às aeronaves e visibilidade total dos vôos e lançamentos. Uma verdadeira revoada de aeronaves leves, com predominância de Cessnas 172, porém incluindo também C206 e Piper Arrow estiveram presentes no aeródromo. Alem disso um R44 também participou da programação de vôos. Houve lançamento de paraquedistas, vôos panorâmicos a preços acessíveis, exposição da brigada anti incêndio do aeroporto, vôo de interação com a comunidade, automóveis antigos, motocicletas, danças típicas, grupos musicais, praça da alimentação, tirolesa, astronomia e estacionamento para os visitantes. 







Uma criança da comunidade, na companhia de sua mãe,  foi brindada com o primeiro vôo de sua vida e estava radiante de felicidade após um passeio pelos céus a bordo do R44. A imprensa também participou de uma breve visita guiada pelas instalações aeroportuárias com ônibus à disposição para o transporte.







A Coordenação está de parabéns pela belíssima festa, que esperamos sinceramente  se repita e cresça cada vez mais. O UZ7 e os nossos colaboradores Gilmar Leal e Claudio Oliveira dão os sinceros agradecimentos a todos da coordenação do evento, que os receberam tão efusivamente e facilitaram ao máximo nossa cobertura do evento. Confira mais registros:

Airbus SC-105 Amazonas SAR da Força Aérea Brasileira em Macapá

0 comentários
Chegou à Macapá no último domingo o Airbus SC-105 Amazonas SAR da Força Aérea Brasileira em Macapá para auxiliar o trabalho de buscas a um Embraer Minuano, de matrícula PT-RDZ, desaparecido na região do Parque do Tumucumaque, entre o Oeste do Amapá e o Norte do Pará, desde o dia 2 de dezembro.

SC-105 Amazonas SAR
A aeronave, de matrícula FAB6550, decolou ontem pela manhã para realizar buscas à aeronave desaparecida. Ao final da tarde regressou à capital amapaense após cerca de 8 horas interruptas de buscas pela região, num raio de aproximadamente 450 milhas quadradas (cerca de 1000 quilômetros quadrados).

Anteriormente as buscas estavam a cargo de um Lockheed C-130 Hércules e agora prosseguem, sem previsão de encerramento, com o SC-105, que se mostra a aeronave ideal para este tipo de operação.

O SC-105 é um bimotor turbohélice desenvolvido pela CASA - Construcciones Aeronáuticas S.A. e pela Airbus e atualmente é utilizado por diversas forças aéreas ao redor do mundo, em especial para missões de transporte, patrulha e, como o FAB6550, missões SAR (Search and Rescue).

Search and Rescue
Pertencente ao Esquadrão Pelicano, de Campo Grande-MS, o SAR da FAB é equipado com câmeras flier (térmica/infravermelho) e espectral, o SC-105, além de outras câmeras à bordo, o SC-105 tem capacidade de carga de pouco mais de 9 toneladas, podendo levar, dependendo de sua configuração, de 41 à 71 pessoas, inclusive em macas, tento autonomia para até 10 a 11 horas de voo.

Câmera acoplada ao nariz da aeronave
O SC-105 possui quatro janelas-bolha, que facilitam a procura por observadores a bordo, capacitados com treinamentos de varredura visual. Voando a 1.000 pés de altitude, as buscas são feitas a olho nu pelos observadores, aliadas com as modernas tecnologias à bordo. No entanto, as maiores dificuldades em localizar a aeronave desaparecida se deve ao terreno de procura, mata fechada, no coração da floresta amazônica, com árvores de copas extremamente altas. Além disso, até o presente momento não foi recebido nenhum sinal ELT, que seria vital para a localização do Minuano.

Janelas-bolha, que facilitam a observação externa
Apesar das dificuldades as buscas não param, sempre com expectativas positivas quando à localização do avião desaparecido e de seus ocupantes. Tão logo haja contato visual com a Aeronave, sua localização será plotada para posteriormente, o resgate ser feito através de helicópteros. A operação é coordenada pelo Salvaero de Manaus-AM. Confira mais registros:

Portões abertos da Base Aérea de Belém - Ala 9

0 comentários
A Ala 9, nova designação do I Comar - Primeiro Comando Aéreo Regional, abriu seus portões e organizou na antiga Base Aérea de Belém mais um grande evento aberto ao público! 
Os portões abertos 2018 aconteceram no último domingo (2), das 9 da manhã até as 17h. O evento, que faz parte do calendário anual da Força Aérea Brasileira em todo país, reuniu cerca de 20 mil pessoas e estimulou a solidariedade com a arrecadação de alimentos não perecíveis doados para instituições de caridade.


Várias aeronaves estiveram expostas ao público, inclusive com visitações e demonstrações de voo, dentre elas aeronaves civis, experimentais e militares. Além disso, o público pôde apreciar o movimento comercial com as operações na pista 06, além de demonstrações operacionais e de paraquedismo, trabalhos de aeromodelismo e plastimodelismo e ações cívico-sociais com orientações de saúde para os visitantes.

                               

No entanto, a grande estrela do dia foi o caça Northrop F-5E Tiger, ou simplesmente F-5, principal aeronave de defesa aérea do Brasil e que esteve presente em diversas missões de segurança para o país.

Movimentação de asas rotativas em Macapá

0 comentários
Nesta primeira semana de dezembro tivemos interessante movimento de helicópteros em Macapá: Além do Black Hawk da Força Aérea Brasileira, tivemos a presença de um Agusta-Westland AW-109E Power Elite em translado para novo operador nos Estados Unidos. 
Operando no Brasil como PR-MCB, este modelo é bastante utilizado para transporte executivo mas também é utilizado para missões de resgate e funções militares. Além de sua polivalência, o AW-109E destaca-se por ter capacidade para até 8 passageiros.
Já na tarde de sexta (07), um Helibrás HM-1 "Panther" do Exército Brasileiro também pousou no Aeroporto Internacional de Macapá. Confira os registros:



Pilatus PC-12 em Macapá

0 comentários
Pousou na tarde desta sexta (07) no Aeroporto Internacional de Macapá um Pilatus PC-12/47E em translado para o Brasil. A aeronave, de msn 1798, já ostenta a matrícula nacional: PP-IJG. 
O PC-12, apesar de ser turbo hélice, destaca-se pela sua alta performance para transporte executivo e de carga. Destaca-se ainda por ser econômico, podendo voar a até 30 mil pés, tendo capacidade para até 9 passageiros.
Confira os registros, por Roger Pantoja:

Cessnas executivos em Macapá

0 comentários
Durante esta primeira semana de dezembro o Aeroporto Internacional de Macapá recebeu dois Cessna Citation executivos. Na terça feira (04) o PT-WBY, um Cessna 500 Citation I, da Norte Jet realizou diversos procedimentos de aproximação e arremetida na pista 08.


Já na quarta (05), um Cessna 525B Citation CJ3, de matrícula HI1045, procedente da República Dominicana, pousou no fim da tarde e permaneceu em solo até o início da noite. Confira os registros:












Black Hawk em missão SAR em Macapá

1 comentários
Um Black Hawk da Força Aérea Brasileira esteve em Macapá nos últimos dias para uma nobre missão: A aeronave, do Esquadrão Harpia, de matrícula FAB8514, esteve de prontidão no Aeroporto Internacional de Macapá para missão Search and Rescue, isto é, missão de busca e salvamento dos tripulantes do PT-RDZ, um Minuano desaparecido entre o Oeste do Amapá e o Norte do Pará.
Até a manhã desta quarta (05) a aeronave permaneceu em solo, quando decolou como SAR14 para auxiliar nas buscas, porém, até o presente momento, sem sucesso. 
Confira os registros: