Azul inaugura voo inédito de Macapá para Recife

0 comentários
Conforme informado em agosto no UZ7, a Azul iniciou neste sábado, 12 de outubro, as ligações semanais entre Recife e Macapá. Operado pelo Embraer 195, com capacidade para 118 passageiros, o voos entre as capitais amapaense e pernambucana é inédito, possibilitando ao público amapaense uma viagem mais rápida à Pernambuco, bem como ligações com outras importantes cidades do Nordeste.

                                   

Decolado de Recife por volta das 14h, o E195 de matrícula PR-AUC foi o escalado para o voo inaugural o AD2868, tocando o solo em Macapá pouco antes das 17h, se tornando o voo comercial mais longo a operar em Macapá, com quase 3 horas de duração. No sentido inverso, o AD2869 decolou com seus 98 passageiros pontualmente às 17h35 no rumo Leste, em direção à capital pernambucana.
No balcão de check in da companhia no Aeroporto Internacional de Macapá, uma bandeira de Pernambuco indicava o início da rota inédita, para entusiasmo de passageiros e funcionários. 
Confira os registros:

Rockwell Sabreliner 65 em Belém

0 comentários
Um North American Sabreliner, (rebatizado como Rockwell Sabreliner 65) pousou no Aeroporto Internacional de Val de Cans, em Belém, na última semana. A aeronave, considerando todas as suas variantes, é um dos primeiros jatos executivos produzidos na história, tendo realizado o primeiro voo em 1958, há mais de 60 anos!
Utilizado como avião executivo civil e também em várias forças aéreas mundo afora, o Sabreliner 65 tem capacidade para 5 a 7 passageiros, podendo voar a até 39 mil pés, numa velocidade de 885 km/h e percorrendo até 4 mil quilômetros de distância.
A aeronave que pousou em Belém, o N651MK, é relativamente nova se comparada aos seus precursores, sendo fabricado em 1981, passou por diversos operadores antes de compor atualmente a frota da empresa americana My Jet Inc.
O jato, procedente do Fort Lauderdale Executive Airport, fez escalas em San Juan (Porto Rico) e Belém antes de pousar no seu destino final, o Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. 
Confira os registros, por Diego Gomes:





Modern Logistics pela primeira vez em Macapá

0 comentários
Na madrugada desta terça pousou pela primeira vez em Macapá uma aeronave da companhia cargueira brasileira Modern Logistics. O avião, um Boeing 737-400F, de matrícula PP-YBA, cumpria voo de Brasília para Manaus, no entanto, o Aeroporto Eduardo Gomes, na capital manauara, estava fechado devido às más condições climáticas, assim como Santarém, primeira possibilidade de alternativa, restando à tripulação alternar para Macapá, onde pousou por volta das 4h da madrugada.


A saga do PP-YBA não parou por aí. Após o reabastecimento, a aeronave decolou rumo à Manaus para completar o voo, porém mais uma vez encontrou o SBEG fechado, retornado novamente à Macapá, onde pousou pouco antes das 7h da manhã.

Com a jornada de trabalho da tripulação prestes a ser excedida, a aeronave teve que passar o dia em Macapá, de onde somente decolou à meia noite de quarta feira, novamente para Manaus. Segundo informações não oficiais, a carga à bordo era de pintos.

A Modern Logistics, com sede em Campinas-SP, foi fundada em 2016 por executivos que fundaram a Azul Linhas Aéreas e recebeu a permissão para efetuar voos comerciais em Junho de 2017. Atualmente opera voos cargueiros regulares para destinos como Brasília, Recife, Fortaleza e Manaus e tem composta por 4 aeronaves Boeing 737, sendo dois da versão 300 (PP-YBC e PP-YBD) e dois da versão 400 (PP-YBA e PP-YBB).

Flight Report: Voando para Miami na Classe Executiva da Latam

0 comentários
Alguns meses atrás, em uma consulta despretenciosa na internet, vi que iriam acontecer dois shows que eu gostaria assistir, em datas próximas e na mesma cidade. Negociei no trabalho uma semana de folga, e o próximo destino já estava traçado: Las Vegas!



Logo comecei a busca de passagens, priorizando Azul e LATAM por oferecerem voos diretos de Belém para a Flórida, o que me permitiria ganhar um pouco de tempo, já que não tinha tanta margem pra "queimar". Ambas estavam com preço similar para as mesmas datas, mas o voo da Azul implicaria em um pernoite obrigatório em Fort Lauderdale na ida, já que chega na Flórida aproximadamente 20h30 e restam poucas opções de conexão para o mesmo dia. Em contrapartida, o voo da LATAM pousaria em Miami pouco depois das 10h da manhã, me dando o resto do dia inteiro para arrumar alguma conexão para Vegas. No voo da volta, as duas mais uma vez se assemelham, saindo da Flórida à noite e chegando em Belém durante a madrugada, não faria tanta diferença assim. Itinerário fechado, ida e volta no voo direto da Latam, uma semana aproveitando o melhor do deserto americano.

Aproveitando que o voo seria realizado pelo Boeing 767-300ER, resolvi emitir ida e volta na classe executiva e já chegar descansado na terra do Tio Sam, já que o voo decolaria de madrugada e eu não dormiria muito antes do voo. Como voaria em classe diferente nos trechos domésticos, tive que emitir os bilhetes em compras distintas. Com a Latam emiti o BEL-MIA-BEL, e com a American o MIA-DFW-LAS-LAX-MIA. A parada em Dallas na ida foi estratégica, pousaria um pouco depois do voo direto para Vegas, mas em compensação voaria no 777-300ER, que ainda não tinha sido riscado da minha lista de aeronaves a serem voadas antes de morrer. Passagens e ingressos comprados, só restava esperar o dia da viagem.

Cerca de uma semana antes do meu embarque, o furacão Dorian começou a ganhar força e seguiu rumo à Flórida e Bahamas, o que antes era uma tempestade subiu rapidamente para um furacão de categoria 5. Recebi um email da American alertando sobre possíveis atrasos e cancelamentos, além de oferecer remarcação de passagem sem custo. Fiquei bastante preocupado, uma vez que as previsões iniciais eram de que o furacão entraria na Flórida por Miami, justamente na véspera do voo. Caso isso ocorresse, provavelmente meu voo seria cancelado e o restante da viagem comprometido.

CASA CN-235 da Força Aérea Francesa em Macapá

0 comentários
Esteve no Aeroporto Internacional de Macapá na tarde desta quinta (05) um CASA CN-235, da Força Aérea Francesa. A aeronave, procedente de Caiena, pousou às 15h15 e decolou de volta ao território francês às 18h.
A visita do "COTAM", como são designadas as aeronaves da Força Aérea da França, ocorre anualmente às vésperas do feriado nacional de 7 de setembro, para o transporte de militares franceses que desfilam em Macapá nas comemorações da independência do Brasil.
Confira os registros:


Movimentação militar em Macapá

0 comentários
A semana começou movimentada no Aeroporto Internacional de Macapá em relação  à aeronaves militares. Por conta da inauguração da Agência da Capitania dos Portos no Oiapoque, pousaram no SBMQ dois helicópteros Helibrás UH-12 Esquilo da Marinha e um Embraer 120 e um Embraer 135, da Força Aérea Brasileira, foram registrados. Confira as fotos, por Henrique Barbosa:

PR-AJE: O A320ceo da Azul em Macapá

0 comentários
Pousou neste sábado (31) no Aeroporto Internacional de Macpaá, pela primeira vez durante o dia, o A320ceo de matrícula PR-AJE (CN 6050), da Azul Linhas Aéreas. 
A aeronave, batizada como "Céu, Sol, Sul, Sou AZUL", é mais um ex-Avianca (PR-ONW), é a segunda da série CEO (Current Engine Options) a operar pela Azul. Anteriormente, o PR-AJB operou na companhia por alguns meses.
O voo para Macapá, cumprindo a etapa entre BEL e MCP dos voos AD4186 e 4187, foi o segundo da aeronave para a capital amapaense. Na semana passada, a aeronave cumpriu o voo noturno da companhia para a cidade. 
Diferentemente dos A320neo da Azul, o AJB não ostenta a pintura completa da companhia, tendo uma espécie de pintura "albina", sem a tradicional barriga azul. Confira os registros de ontem:



Azul voará entre Macapá e Recife sem escalas.

0 comentários
A Azul Linhas Aéreas solicitou junto à ANAC a abertura de uma frequência semanal entre Macapá e Recife, em Pernambuco. O voo será operado aos sábados a partir de 12 de outubro, inicialmente com o Embraer 195, com capacidade para 118 passageiros.

Embraer 195

Bombardier Learjet 45 em Macapá

0 comentários
Pousou no Aeroporto Internacional de Macapá na manhã desta terça um Bombardier Learjet 45, de matrícula PR-UND. A aeronave, com uma vistosa pintura prateada, pousou por volta das 9h da manhã e partiu às 11h para Imperatriz-MA. Confira os registros:



Boeing 737-400F da Connect Linhas Aéreas pela primeira vez em Belém

0 comentários
Pousou no Aeroporto Internacional de Val de Cans em Belém na última quinta feira o Boeing 737-400F, de matrícula PR-CNC, da Connect Linhas Aéreas. A aeronave, procedente do Galeão, pernoitou na capital paraense e na manhã seguinte partiu para Manaus.
A operação foi a primeira da companhia em Belém. Fundada em 2019, com sede em Recife, a Connect é a nova cargueira do mercado brasileiro.
Confira os registros, por César Cardoso:




Embraer 175 da United Express em Belém

0 comentários
Na última segunda (19) fez escala técnica em Belém, em voo de delivery, procedente de São José dos Campos com destino  aos Estados Unidos, um Embraer 175 da companhia americana United Express. A aeronave, de matrícula N613UX, pousou pouco antes das 18h e decolou pouco depois. Confira os registros, por Diego Gomes e César Cardoso.

Boeing P-8A Poseidon em Belém

0 comentários
     Hoje (20), foi dia de receber um ilustre visitante mais uma vez em nosso aeroporto. Pela terceira vez, Belém recebeu um Boeing P-8A Poseidon da US NAVY (Marinha americana). As duas primeira escalas foram em 2015, à ocasião da Unitas, que aconteceu no Rio de Janeiro naquele ano. Ao contrário de 2015, quando tivemos também a visita dos Ospreys e Hércules, nesse ano apenas essa aeronave realizou escala em Belém. Pela mesma razão hoje o Poseidon pouso em Val de Cans, decolando às 17h50 para o Aeroporto do Galeão, na capital fluminense. Confira as fotos:

Primeiro dia da retomada das operações diurnas da LATAM em Macapá

0 comentários
Conforme noticiamos em maio, a LATAM retomou as operações diurnas em Macapá desde ontem (05). Os voos 3459/3472 de Brasília e 3543 e 3544 de Belém operaram pela primeira vez no novo horário. Ambos os pares de voos foram operados pela mesma aeronave, o PT-MZH.
Com os novos horários, pela primeira vez pudemos ver a operação simultânea de embarque e desembarque das três companhias aéreas que operam no Aeroporto Internacional de Macapá: LATAM, Azul e Gol.
Confira os registros:


Socata TBM 940 em Macapá

0 comentários
Pousou no Aeroporto Internacional de Macapá na tarde do último sábado um Socata TBM 940 de matrícula PT-TBM em importação para o Brasil.
A aeronave, da família 900, versão mais moderna da categoria, que inclui winglets e hélices pentapá, como motor de de 850 shp de Pratt&Whitney PT-6A-66Dw, tem maior eficiência operacional em relação as versões anteriores.


Voando a velocidade máxima de 330 kt e cobrindo 2.800 km (1.800nm), sem a necessidade de parar, com teto operacional de 28 mil pés, o TBM 940 tem capacidade para um piloto e cinco passageiros.
Confira os registros:

Latam vai operar voos entre Belém e Guarulhos com o Boeing 767

4 comentários
     Pela primeira vez, a Latam deve operar alguns voos domésticos com o Boeing 767 em Belém. Alterações como essa acontecem eventualmente em cidades como Manaus, Recife e Fortaleza, principalmente para atender à uma demanda cargueira ou para completar o "trilho" antes/depois de voos internacionais.
    O adeus ao 767 na rota Belém-Miami foi amenizado com o upgrade de equipamento na rota que liga a capital paraense ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. A partir de 11 de Setembro, apenas o Airbus A320 operará nos voos para os Estados Unidos, mais uma vez deixando os passageiros da cidade sem a opção de voar de Classe Executiva em voos diretos.
     Os voos operados com o Boeing já estão sendo comercializados nos canais de venda da empresa, e contam com 30 assentos na classe executiva e 191 assentos na econômica. A primeira operação da aeronave na rota para São Paulo está prevista para essa semana, na madrugada de Terça para Quarta-feira. Confira todos os detalhes e horários abaixo:

A330 da Wamos em operação diurna em Belém

0 comentários
O Airbus A330-200 da Wamos Air (EC-NBN) que está operando voos para a TAP durante o mês de julho entre Lisboa e Belém sofreu uma pane em solo na última sexta (26), antes de decolar para a capital portuguesa. Com isso, o voo TP47 foi cancelado e decolou somente no final da tarde sábado (27), atrasando o trilho da aeronave para os voos dos dias seguintes à Belém. Com isso, o voo TP46 de domingo (28) pousou na capital paraense apenas na tarde de ontem,  às 15h30. 


Por conta dos atrasos, os voos de amanhã foram cancelados e transferidos para quinta feira (01), também chegando à Belém pela tarde e partindo no início da noite. Os voos da quinta, inclusive, serão os últimos operados pela Wamos em Belém, uma vez que a ligação entre Lisboa e Belém voltará a ser feita com aeronaves próprias da TAP.
Por outro lado, o atraso dos voos possibilitou inéditas fotos diurnas do A330 da Wamos em Belém. Confira os registros, por César Cardoso:

Spotter Day Macapá: Veja as fotos do evento!

0 comentários
Na tarde do último 14 de julho ocorreu em Macapá a segunda parte do Spotter Day Infraero 2019. O evento, que teve uma parte noturna entre os dias 11 e 12, prosseguiu durante a manhã e tarde daquele ensolarado domingo, com a participação de cerca de 20 spotters.
Ao final do evento, os participantes foram saudados com um "batismo" feito pelo caminhão dos Bombeiros do aeroporto.

                               

Confira os registros:

Fotos: Spotter Night Macapá

0 comentários
Na madrugada de sexta feira (11 pra 12 de julho) foi realizado o 2º Spotter Night Macapá, no Aeroporto Internacional Alberto Alcolumbre. O evento começou às 21h da quinta feira se estendendo até às 06h da manhã de sexta. Os 25 spotters participantes tiveram acesso a áreas restritas do sítio aeroportuário como os pátios de aeronaves e a área gramada entre a pista 08/26 e a taxiway Charlie.
Durante a madrugada a aviação comercial movimentou o pátio com os voos das companhias Azul, Gol e Latam. 

Quarto evento de spotting da Infraero realiazado em Macapá, em 2019 houve uma fusão de Spotter Day e Spotter Night, dividindo o evento em duas partes: o Spotter Night, realizado na madrugada e o Spotter Day propriamente dito, realizado durante toda a manhã e tarde do domingo (14), que você verá em breve no nosso site.
Para participar do evento, cada spotter doou 5 kg de alimentos não perecíveis, que serão destinados ao Abrigo São José, em Macapá.
Participaram pessoas de várias idades. Policiais, estudantes, advogados, arquitetos, dentistas, psicólogos, professores: Todos têm o amor pela aviação em comum entre si. Debutante no evento, a dentista Micaelli Salvador gostou da experiência de participar do Spotter Night: "Um evento que tem a oportunidade de mostrar o quanto movimento dessas aeronaves é apaixonante e faz a gente se jogar cada vez mais no universo da aviação e registrar cada momento que se torna uma lembrança única. Um evento que nem palavras conseguem descrever a sensação de participar. Que possam vir muitos outros"
Já o psicólogo Tiago Santos, relatou que o amor pela aviação está presente em sua vida desde a infância e classifica o evento como um sonho realizado, destacando: "Conhecer a rotina de um aeroporto, algo que já admirava quando viajava. Como spotter pode sentir a liberdade de voar em um mundo que sempre viajei! Foi umas das melhores experiencias da minha vida", concluiu.
Confira os registros do evento, com fotos de Rafael Freitas, Diogo Jucá Ferreira e Vladimir Mateus:

Boeing 737-800, ex-Jet Airways, da Gol pousa pela primeira vez em Macapá

0 comentários
Na tarde deste sábado (06) pousou no Aeroporto Internacional de Macapá pela primeira um dos recém  recibos Boeing 737-800 da Gol vindos da companhia indiana Jet Airways. O PR-GZI é uma das 5 aeronaves que vieram, em tese temporariamente, para a companhia brasileira para suprir a paralisação dos Boeing 737 Max 8.
Até o momento integraram a frota chegada da India o PR-GZE, PR-GZF, PR-GZG (os três com poltronas business class, além do PR-GZH e PR-GZI.
Confira os registros:





TAP voará de A321neo para Belém

0 comentários
Já consta nos sistemas da TAP Air Porgual a alteração do equipamento que operará os voos entre Belém e Lisboa: A partir de 29 de outubro, os voos operados pelo Airbus A330-200 passarão a ser efetuados pelos novos Airbus A321neo LR da companhia portuguesa.

Com a mudança de equipamento no começo da baixa temporada, Belém terá um voo semanal à mais em relação à atual operação dos voos com o A330, com um total de três operações semanais, às terças, sextas e sábados, com expectativa da implantação de uma quarta frequência na alta temporada do verão europeu de 2020.


O A321neo é tratado como peça chave para os planos de expansão da TAP para o Brasil e Estados Unidos. Mais econômico em relação ao A330 e com grande alcance (4 mil milhas, cerca de 7.400km), se mostra a aeronave ideal para destinos de longo curso com menor demanda, além de reforçar com mais voos os destinos "premium" da companhia.

O modelo possui motores de nova geração altamente eficientes, novas asas e novos sharklets, que ajudam a melhorar a aerodinâmica e eficiência das aeronaves. Até 2025 a TAP receberá 71 A321neo, renovando e ampliando sua frota.

Apesar de ter corredor único e menor capacidade em relação ao A330 (268 x 171 assentos), os A321neo da TAP tem configuração de menor densidade em relação aos A321ceo, aeronave que a TAP opera em voos intra-Europa, permitindo maior conforto ao passageiro.



A aeronave dispõe de 107 assentos em classe econômica. 48 assentos na classe econômica premium e 16 assentos em classe executiva. Além disso, os passageiros que embarcam neste modelo dispõem de monitor individual de entretenimento e internet via satélite à bordo, bem como o tradicional serviço de bordo da TAP.

Classes econômica premium e econômica



(Fotos: Sam Chui)


LET L-410 da Air Guyane em Macapá

0 comentários
Nesta semana dois Let L-410UVP-E20C Turbolet da Air Guyane estiveram no Aeroporto Internacional de Macapá por ocasião do transporte da comitiva francesa que participou da 11ª Reunião Mista da Comissão Mista de Cooperação Transfronteiriça, realizada na capital amapaense.
Na terça feira (02), o F-OIXT pousou no SBMQ por volta das 12h, decolando cerca de uma hora depois. Já na tarde desta quinta (04), o encarregado de buscar a delegação foi o F-OIXI.


De fabricação tcheca, o Let 410 é um projeto que completou 50 anos em 2019. Com capacidade para até 19 passageiros o bimotor tem alcance para cerca de 1.240km e autonomia para 5 horas e voo e é bastante usado pelo mundo para rotas regionais curtas e médias.
Junto com os Let L410, acompanhou a comitiva um CASA CN-235 da Força Aérea Francesa, visitante frequente do SBMQ.
Confira os registros:

Spotter Night Macapá confirmado! Inscrições abertas!

0 comentários
O Aeroporto Internacional de Macapá receberá mais um evento direcionado aos spotters realizado pela Infraero! O 2º Spotter Night está confirmado para a noite do dia 11 (quinta), iniciando as 21h e se estendendo até as 06h da manhã de sexta. Outra novidade é que haverá uma segunda parte do evento, no domingo (14) de 08h da manhã às 15h30, oportunidades em que os spotters poderão registrar tanto o movimento noturno quando diurno no SBMQ, já com as operações no novo terminal de passageiros.

Para participar, o interessado deverá ter mais de 18 anos e se inscrever pelo site do evento. É necessário o preenchimento de um formulário, bem como o envio de cópias de uma foto 3x4 digitalizada, Carteira de identidade - RG, CPF, Certidão de antecedentes criminais - Polícia Federal, Certidão de antecedentes criminais - Polícia Civil e Certidão negativa da Justiça Federal. Cada participante também terá que doar 5 quilos de alimentos não perecíveis, que após o evento serão doados ao Abrigo São José, em Macapá.


As inscrições para o evento deverão ser realizadas no período de 01 a 07/07/2019. Serão disponibilizadas 35 vagas ( 30 ao público em geral e 5 para orgânicos ).
Também é condição obrigatória para a participação no evento, a participação no curso de SGSO, que será realizado no dia 10 de julho de 2019, no horário das 18h as 19h30min, na sala de instrução no 2º piso do aeroporto, oportunidade em que os spotters entregarão os alimentos à Infraero.

Não deixe de participar! Para mais informações, acesse o regulamento do evento.


Dupla de Embraer 190 (VC-2) da FAB em Belém

0 comentários
Na última quinta feira (13), por ocasião da visita do Presidente da República Jair Bolsonaro à Belém, pousaram na capital paraense dois Embraer 190 (VC-2) do Grupo de Transporte Especial - GTE, da Força Aérea Brasileira, trazendo a comitiva presidencial.
As aeronaves, batizadas de "Augusto Severo" e "Bartolomeu de Gusmão" foram registradas pelas lentes dos spotters do UZ7. Confira!






Wamos Air inicia operações da TAP em Belém

0 comentários
Na última quarta-feira (12), a Wamos Air iniciou as operações para a Tap entre Belém e Lisboa. A aeronave, de matrícula espanhola EC-NBN, ficará "fixa" durante o mês de Junho e Julho na rota, conforme noticiado aqui no site. Apesar do inconveniente, a aeronave é a mais nova da frota da Wamos, e com layout muito parecido com o que a Tap opera em Belém. De todo modo, sempre bom ver cores diferentes em nosso aeroporto. Confira as fotos:

TAP retoma terceira frequência entre Belém e Lisboa: Wamos Air operará voos até julho

1 comentários
A TAP Air Portugal, como já tradicional no verão europeu, incrementa suas operações entre Belém e Lisboa com a terceira frequência semanal. O terceiro voo operará até a segunda quinzena de outubro, às sextas feiras, somando-se aos voos que já operam às quartas e domingos. Os horários permanecem os mesmos.
Outra novidade durante a alta temporada é que a partir de 12 de junho até 31 de julho os voos da TAP para a capital paraense serão operados pelos Airbus A330-200 da Wamos Air, uma companhia espanhola de voos charter e que também aluga suas aeronaves à outras companhias, conforme necessidade.

A Wamos tem seis A330 em sua frota (EC-MJS, EC-MNY, EC-LNH, EC-MTT, EC-MTU e EC-NBN), com configurações que variam de 261 à 358 assentos.

Assim ficarão os voos entre 12 de junho e 20 de outubro:

TAP47 - QUA/SEX/DOM 
Saída de Lisboa: 16h25
Pouso em Belém: 21h55

TAP48 - QUA/SEX/DOM
Saída de Belém: 22h35
Pouso em Lisboa: 10h10 (+1)

TAP comemora cinco anos de operações em Belém

0 comentários
Neste 03 de junho de 2019 a TAP completa seus cinco primeiros anos de operações no Aeroporto Internacional de Val de Cans, em Belém. Nesta meia década a empresa se firmou como a melhor opção para os paraenses que desejam ir à Europa. A rota direta para a Europa, junto com o voo da Latam para Miami, marcou o início de um novo período em nossa cidade, onde não se faz mais obrigatório fazer conexão em outras cidades brasileiras antes de seguir para os Estados Unidos ou Europa.
A330-200, aeronave que opera os voos entre Lisboa e Belém.
Com as vendas iniciadas em outubro de 2013, inicialmente o voo TP35 operou a rota Lisboa-Manaus-Belém-Lisboa, em voo triangular, que inaugurou no ano seguinte. Para atender a crescente demanda, em 2016 a TAP decidiu cancelar a escala em Manaus, atendendo Belém com voos diretos para Lisboa nos dois sentidos, consolidando o sucesso da ligação Pará-Portugal,  mesmo com a instabilidade econômica e câmbio adverso, este voo tem apresentado números razoáveis em meio à crise, sendo realizadas mais de 100 ligações anuais entre Lisboa e o Norte do Brasil.

Segundo dados da ANAC, até abril deste ano, no sentido Belém-Lisboa, a TAP transportou certa de 128 mil passageiros em 624 voos, com média de 206 passageiros por voo, com destaque para o ano de 2015, onde mais de 27 mil passageiros partiram de Belém em direção ao velho continente. Também merece destaque a alta temporada de verão europeu, entre junho e setembro, onde em muitos anos as ocupações ultrapassam a casa de 90%.

Já entre Lisboa e Belém, até abril de 2019 foram transportados mais de 90 mil passageiros, sendo 2018 o melhor ano em termos de ocupação, onde os 24.336 passageiros trazidos à Belém contribuíram para um crescimento na ocupação média dos voos, que ultrapassou os 72%.

A330-200: Capacidade para 268 passageiros
Desde o início das operações, a TAP tem variado o número de frequências para a capital paraense, sendo duas na baixa temporada e três no verão europeu. Além da retirada de Manaus e variação de frequências, o voo que em sua fase inicial saía de Lisboa no início da tarde e chegava à Belém por volta das 18h, passou a chegar em Belém já pela noite, permitindo aos turistas paraenses um horário mais conveniente para deixar Portugal.

Nestes cinco anos, o UZ7 acompanhou de perto as operações da TAP, inclusive visitando um dos A330 da companhia por ocasião do primeiro voo direto entre Lisboa e Belém. Além disso, acompanhamos os voos com três flight reports, tanto no sentido Belém-Lisboa (inclusive na classe executiva) quanto de Lisboa à Belém.

Em breve, espera-se que a TAP mais uma vez traga novidades para o mercado em Belém. Com a chegada dos A321neo LR, a empresa deve começar a voar com essa aeronave para os voos entre Belém e Lisboa. Por ser mais econômica em voos longos, é esperado que haja um aumento do número de frequências entre as duas cidades, o que trará mais opções de voos sem escalas para a Europa com tarifas mais baixas.

Embraer 110 Bandeirante do Governo do Amapá de volta ao Estado

0 comentários
Retornou à Macapá nesta quinta feira (30) o Embraer 110P1 Bandeirante, de matrícula PP-EIX, do Governo do Amapá. A aeronave estava há seis meses em Uberlândia-MG, onde passou por revisões e pela Inspeção Anual de Manutenção (IAM), visando continuar a atender as demandas do Estado do Amapá, sejam governamentais, humanitárias e até mesmo emergenciais. Com novo visual, agora com linhas verdes, amarelas e azuis, as cores da bandeira do Amapá, o avião foi transladado de Uberlândia, com escala em Palmas-TO.

Fim dos noturnos: LATAM passa a operar somente voos diurnos em Macapá

0 comentários
Nesta semana LATAM solicitou junto à ANAC alterações em seus voos no o Aeroporto Internacional de Macapá. Com isso, a partir de 5 de agosto, deixam de operar os voos da noite/madrugada, sendo o LA3446/3447 de/para Belém e o LA3528/3529 de/para Brasília. 


Com isso, os voos 3544 e 3543, que operavam pela manhã na rota de Belém somente aos domingos, passam a operar seis vezes por semana, de domingo à sexta feira, com horário diferenciado aos domingos:

SEG. À SEX.
LA3544 MCP 1205 1300 BEL A320 174PAX
LA3543 BEL 1330 1430 MCP A320 174 PAX


DOM.
LA3543 BEL 1025 1125 MCP
LA3544 MCP 1205 1300 BEL

Os voos de Brasília operarão na mesma lógica, de domingo à sexta, sendo mais cedo aos domingos:

SEG. À SEX.
LA3459 BSB 0815 1100 MCP A320 174PAX
LA3472 MCP 1545 1830 BSB A320 174PAX


DOM.
LA3792 BSB 0600 0845 MCP A320 174PAX
LA3189 MCP 0925 1215 BSB A320 174PAX

"Profit Hunter" em Belém

0 comentários
Hoje (22), foi dia de dar as boas vindas ao famoso "Profit Hunter" da Embraer. O E190-E2, de matrícula PR-ZGQ, esteve em Belém pela primeira vez em 2017 (Confira aqui a matéria), mas ainda com a pintura antiga. No meio de 2018, a Embraer decidiu alterar a pintura, implementando a cabeça de um tubarão no nariz da aeronave, fazendo alusão à um "Caçador de Lucros", Profit Hunter em inglês. Retornando de Paris, na França, a aeronave seguirá para La Paz - Bolívia realizando escalas na Ilha do Sal e em Belém. Confira as fotos:

Lockheed P-3 AM Orion da FAB em Belém

0 comentários
Um Lockheed P-3 AM Orion, da Força Aérea Brasileira, está em Belém há cerca de duas semanas realizando operações no litoral do Pará e do Amapá.
De acordo com a FAB, o P-3 AM é uma aeronave patrulha, derivado de uma versão comercial o Lockheed L-188 Electra e é utilizada na vigilância e proteção de áreas marítimas e dos recursos naturais da Amazônia Legal e, de modo especial, à região do pré-sal. Além disso, a aeronave apoia as atividades de busca e salvamento no Atlântico Sul sob responsabilidade do Brasil. 
Além disso, o avião possui um dos mais modernos sistemas para identificação por radar e dispõe do mecanismo Forward Looking Infra-Red (FLIR), que complementa as informações dos tráfegos marítimos, fornecendo imagens nítidas e claras mesmo no período noturno. A aeronave permite localizar, identificar e repassar todo o cenário do tráfego marítimo para embarcações da Marinha do Brasil e direcionar a atividade de policiamento para as áreas mais críticas. As aeronaves são operadas por uma tripulação de até 12 militares e também podem ser empregadas em missões de reconhecimento eletrônico e de guerra antissubimarino, com destaques à participação na Operação Joint Warrior, no Reino Unido em 2013; na Operação Fraterno, na Argentina em 2014, e na Operação Porteira Fechada, em 2015, em apoio à Polícia Federal. Desde 2011 até hoje, o esquadrão também formou novos tripulantes entre militares vindos de várias unidades da FAB.
Confira os registros, por Giovany Cruz:


Azul lança novo voo entre Belém e Guarulhos

1 comentários
Aproveitando o espaço deixado pela Avianca, que infelizmente passa por problemas sérios, a Azul lança mais uma rota a partir de Belém. A partir de 01/09/2019, os passageiros paraenses poderão voar entre Belém e São Paulo - Guarulhos sem escalas. Operado pelo A320neo, o voo se torna mais uma opção para quem se destina à capital paulista ou para conexões internacionais saindo de Guarulhos. Além de Guarulhos, a Azul voa sem escalas de Belém para Altamira, Marabá, Santarém, Manaus, Macapá, Cuiabá, Campinas, Belo Horizonte, São Luís, Fortaleza, Recife, Caiena e Fort Lauderdale. Os voos já estão sendo vendidos no site da empresa conforme os horários a seguir:

Movimentação executiva em Belém

0 comentários
Este sábado (11) teve bom movimento de aeronaves executivas no Aeroporto Internacional de Val de Cans, em Belém. Somente no período da tarde foram quatro movimentos. Confira os registros, por Diego Gomes:

Embraer 505 Phenom 300 PR-GCR:




Embraer 505 Phenom 300 PR-AJN:


Raytheon Hawker 400XP PR-DIS:


Bombardier BD-100-1A10 Challenger 300 PR-RBZ:





Veja outros registros do dia: