SBBE: Freeshop

Após algumas tentativas frustradas, no último mês de maio a Infraero voltou a promover licitação de áreas no terminal de passageiros do Aeroporto Internacional de Belém na intenção de viabilizar a operação de uma loja freeshop/duty free. Nos processos anteriores, nenhum interessado apresentou proposta, notadamente em função do baixo movimento internacional do aeroporto. Contudo, no último processo licitatório, uma única e, porque não, visionária empresa apresentou candidatura ao espaço: a Aldeasa, pertecente ao conglomerado estrangeiro World Duty Free Group. A empresa ganhou o direito de operar duas áreas dentro do SBBE, sendo uma no embarque internacional e outra no desembarque internacional as quais, somadas, totalizam mais de 300m².
O contrato da exploração tem 10 anos de duração e, apesar do pequeno número de ligações internacionais do SBBE, a empresa planeja lucrar US$30 milhões, acreditando no potencial de crescimento do aeroporto e do país.
As duas lojas irão oferecer variedade de perfumes, fragâncias, cosméticos, bebidas, cigarros, assim como produtos esportivos e acessórios para viajantes, tanto importados como nacionais.
A Aldeasa/WDFG atuam em países como Canadá, EUA, Peru, Chile, Portugal, Espanha, França, Marrocos, India, Arábia Saudita, além de regiões como América Central. A Aldeasa possui 258 lojas em mais de 50 aeroportos e, com a chegada a Belém, atingirá a marca de 21 países atendidos.
A previsão é de que as lojas entrem em operação no SBBE a partir de dezembro de 2012.

Imagem: duty free da Aldesa no aeroporto de Palma de Malorca, Espanha.
 

0 comentários :

Postar um comentário