Greve deixa o espaço aéreo do Suriname às cegas

Os controladores da Fir Paramaribo mais uma vez entraram em greve, deixando o espaço aéreo do país vizinho às cegas, dessa forma os tráfegos decolados de GIG e GRU, principalmente, que se utilizavam dessa rota no caminho até a América do Norte, estão sendo desviados de sua rota original e deixando o espaço aéreo brasileiro pela Fir Maiquetia. A útlima grande greve acontecida no Suriname ocorreu em 2007, causando transtornos e insegurança aos voos em rota América do Sul-América do Norte.

Aguardamos pelo desenrolar dos fatos durante a semana para saber se a greve de alguma forma irá interferir nas operações da Surinam Airways que operará voos a partir de Belém (SBBE) para Caiena (SOCA) e Paramaribo (SMJP).

Abs   

0 comentários :

Postar um comentário